És ou gostavas de ser + integro/a?

És uma pessoa integra? Conheces alguém que seja?  As tuas acções estão de acordo com o teu discurso? A integridade é uma virtude fundamental mas um pouco menosprezada nos dias de hoje. O que é para ti ser integro e/ou a integridade?

Muitas vezes sentimo-nos desconectados com o que somos e com o que queremos ser/fazer. Isto faz com que não sejamos uma pessoa integra.

Pessoas integras são inspiradoras, atraem outras tantas pessoas e transmitem-nos confiança.

Diz-se que ser integro pode ser muita coisa. E é verdade. No entanto, uma pessoa integra é sem dúvida uma pessoa que se rege pelos seus valores. É uma pessoa de conduta reta e de honra. Que tem uma filosofia de vida coerente com os seus valores.

Posto isto, uma pessoa integra pode ser muita coisa, exactamente por cada um de nós ter os seus próprios valores.

Para descobrires quais são os teus valores, não adianta quereres saber quais são os valores do teu melhor amigo, da tua vizinha, dos teus pais ou de quem seja (por mais ou por menos próximas que essas pessoas sejam de ti). O problema ás vezes está mesmo aqui, na falta de noção de quais são os nossos principais valores.

Com o coaching podemos trabalhar sobre este assunto, mas faço-te desde já uma pergunta que te pode ajudar a perceberes melhor quais são os teus valores:

O que é que te faz feliz?

Pensa nisto e escreve tudo o que te vier à cabeça. Não precisa ser uma lista pequena ou grande, precisa apenas de ser verdadeiramente tua.

À medida que o tempo passar, ela irá crescer e até mesmo mudar. Tens só que fazer a ti mesmo/a esta pergunta para que surjam novas respostas. Começa a tua lista agora mesmo e revê a tua lista anualmente.

Agora para perceberes realmente qual é a ligação entre o que te faz feliz e quais são os teus valores, terás que avaliar (de 0 a 5, sendo que começas do 5 que é a máxima prioridade) cada resposta.


Temos que nos rodear de pessoas que nos fazem ser melhores, que independentemente dos seus valores e experiências, nos acrescentam, ensinam e completam de alguma forma.

Sem comentários :

Enviar um comentário